PDA

Ver Versão Completa : Fome Zero - O que fazer?



Leão
01/02/2014, 01:54 PM
Amigos, não me arrependo das coisas que vivi, mas a vida sempre nos ensina, infeliz daquele que não aprende ou que persiste no erro.

Muitos aqui já sabem que fui despedido depois de 9 anos de empresa, bom salário, regalias, status de chefia, etc... Uma de minhas maiores paixões é viajar de moto, estar na estrada sempre me foi muito bom, com a minha demissão em pleno inverno andei pouco no 1º mês, mas depois sempre achei o que fazer, andei muito, acompanhei vários amigos pelas estradas e aos poucos fui "torrando" minhas economias (com prazer), 7 meses se passaram e só em Dezembro consegui recuperar meu emprego, coincidentemente as reservas secaram, literalmente! Restou-me algumas contas da "nova vida" já tive alguns gastos e o 1º salário SUMIU!!! Nossa, que loucura isso!

Estou andando no mês de Janeiro pisando bem mansinho, pra ter uma ideia, estou dando prioridade para algumas coisas essenciais nesse momento, fazendo reservas financeiras novamente, afinal não sei o dia de amanhã. Tenho duas motos, dois IPVAS, já estou querendo trocar de moto (calma, é por outra XT660R com certeza, só mais nova).
Tenho meus passeios a fazer, tenho a vontade de fazer pelo menos uma GRANDE viagem por ano, preciso me programar, não nasci em berço de ouro, trabalho e GASTO o que ganho! Não me arrependo, nem me envergonho de dividir com os amigos a VIDA REAL, mas hoje percebo que se tivesse tido um pouco mais de critério nos meus gastos anteriores, hoje não estaria no FOME ZERO como brinca nosso amigão Dimitry. Claro que não estou passando fome, ainda curto meus maiores prazeres, mas sou mais MÃO DE VACA!

Andar de moto, viajar de moto, tem seu custo!

Meu objetivo com esse Tópico é realmente trocar ideias sobre esse assunto que com certeza afeta a todos (os menos afortunados aqui do SITE pelo menos hehehe). Quem sabe podemos ajudar os "novos" viajantes a estarem preparados para o futuro.

Aí vem as perguntas;
O que custa mais caro em nosso Hobby de andar de moto? Hospedagem, alimentação, combustível, frequência de viagem?
Como reduzir esses custos?
Como podemos nos ajudar?

Abração meus amigos!!!!:paz_amor:

Chico 13
01/02/2014, 04:09 PM
Não me fala em fome zero pois eu estou no fome 10 graus abaixo de zero......

Max Payne
01/02/2014, 04:29 PM
Primeira coisa é mudar o título "Fome zero". Isso me lembra um governo que saiu prometendo três pratos de comida por dia para o pobre, e ao final, taí a conta do mensalão para ser paga pelo povo e outras que virão.....kkkkkkk

Atobá
01/02/2014, 06:21 PM
Ótimo tópico Leão.
Cada um tem suas manhas para economizar.
Seguem algumas:

Um dos itens mais caros hj em dia é a hospedagem então filie-se ao Albergue da Juventude que sempre tem preços bem mais em conta.

Viagens curtas ,mas juntando lugares interessantes,também são uma boa escolha.Rodar 1000 km em 10 dias,parando sempre,visitando atrações,interagindo com pessoas,podem render mais prazer do que rodar 800 a 1000 km dia e não ver nada e nem conhecer ninguém.Rodando pouco,se gasta pouco combustível,pneu etc etc.

Evite viajar nas temporadas para locais turisticos,os preços sobem muiiito.

Não se acanhe e chore,negocie os preços em hotéis.Trabalhei com hotel por quase 20 anos e dar descontos é a pratica da maioria.Pagar em cash pode ser um bom argumento para conseguir descontos.

Casa de amigos:JAMAIS recuse um convite mas lembre-se:Não se instale(2 dias no maximo)e sempre retribua

Compre um cofrinho bem grande(hj estou usando uma embalagem para uisque)Vc ficará surpreso com o que consegue juntar.

Guarde os pneus meia boca para rodar na sua cidade.Não jogue borracha fora.

Coisas velhas de suas ex motos viram kms rodados.Tem sempre alguem querendo comprar então venda e compre gasolina.

Outra coisa boa,para os casados,é recusar algumas viagens e falar para a mulher:Olha,fulano me chamou para ir para tal lugar de moto e eu recusei mas com isso economizei uma grana para aquela minha viagem do fim de ano.
Com umas 3 dessas vc já juntou a grana para viajar heheheheh

Por enquanto é só.Se lembrar de mais alguma,posto aqui.

http://farm8.staticflickr.com/7270/8167400514_7bdac4c31e_b.jpg

http://farm8.staticflickr.com/7262/8168957857_c42e25af11_b.jpg

http://farm6.staticflickr.com/5488/12260800284_3aff1c093e_b.jpg

Leão
01/02/2014, 06:53 PM
Chico, fica tranquilo que a coisa vai melhorar, estou torcendo pelo amigo e a família.

Max, o título é pelo "jargão" do nosso amigo Dimitry, nada com política.

Atobá, como sempre muito bem colocadas as palavras e realmente úteis. Tá valendo o Tópico!

Abração pessoal.

Junior Cejota
01/02/2014, 07:48 PM
Isso fais parte da vida mas e passageiro

Max Payne
01/02/2014, 07:58 PM
Giovane, seu tópico é ótimo, muito útil. Quanto ao "fome zero", vamos mostrar como realmente deveria ser...kkkkkkkk..... abç

acdurigan_piu
01/02/2014, 08:36 PM
A léia q o diga...

nem roupa eu compro!!! tudo é ganhado!!!!
tenis uns 4 anos q não compro..roupa pego q sobra do meu pai e irmão!!!

sair de fim de semana é estipulado em 150,00 sexta, sabado e domingo kkkk

nada de besteiras!!! acessório p/ motos só existencial e nada de frescuras..e se não to usando tiro vendo e troco por outro util..

e por ai vai!!!

na vdd acho q peco!! deveria economizar mais..porem fora isso eu não viajaria!!!

Nirlei
01/02/2014, 10:01 PM
Eu procuro economizar, dentro do possível. Só que com família como prioridade, as outras coisas ficam em segundo plano (natural, né?). Quando dá, eu ando. Quando não dá, paciência.
Piu, quatro anos sem comprar tênis? Acho que estou quase lá também. :-)
E vamos levando a vida...

Abrass.

LuizLima
01/02/2014, 11:07 PM
Oh!!!! meu amigo Giovani!!!! . . . "Que Dureza!!!! . . . faz parte, . . . uma boa opção em viagens é acampar, economiza com estadia e fica mais perto da Natureza!!!!!! . . . . (aum dia vou prá Machu-Picchu!!!!kkkkk)

Atobá
01/02/2014, 11:14 PM
Leão.
No seu caso em particular,percebo que vc tem 2 motos bastante semelhantes em termos de custos de manutenção.Considero andar de moto "grande" em cidade um desperdicio de gasolina,pneu e etc alem de correr sempre um risco enorme de se ter um prejuizo maior com um acidente ou mesmo um roubo.
Se é para ter 2,sugiro que seja uma grande,para viagens e uma eventual azaração,e uma pequena(mas pequena mesmo)para deslocamentos do dia a dia.
Ja faz bastante tempo que uso esta tatica pois só uso carro(velho e barato) quando tenho que pegar ou levar minha filha a algum lugar em dias de chuva.Até para levar os amigos na madrugada no aeroporto(50 km ida e volta)é a pequena quem encara.
Na foto,um pneu furado as 3 da madruga quase impede o João de pegar o vôo para Campo Grande.

http://farm4.staticflickr.com/3721/12260643906_05b4e25a9d_b.jpg

http://farm8.staticflickr.com/7115/7828141474_2f65c3c65d_b.jpg

acdurigan_piu
02/02/2014, 07:19 AM
Piu, quatro anos sem comprar tênis? Acho que estou quase lá também. :-)
E vamos levando a vida...

Abrass.


kkkk aqui em casa eu pego q sobra do meu pai e do meu irmão!!! se pá ate chinelo e tenis da minha irmã eu pego!!!!

afinal lavô ta novo kkkkk

Pierozan84
02/02/2014, 12:03 PM
Atobá, o Leão está com uma biz. A falcon entrou no negócio....

Curti muito suas dicas.

Sou parecido com o piu... Roupas ganhas.... Tênis, o último par comprado faz cinco anos.... Sapato foi em jan 2008... Calça comprada em 2005 +- e por aí vai.
E ainda assim tenho roupa demais.... Como uso farda e coturno diariamente não gasto às roupas. O uniforme o estado fornece.

Mas eu bebo. Hehehe

Leão, legal o tópico!!!
Já dou uma dica pra ti.... Qdo viaja sem garupa, dívida um quarto.

Tomasini
02/02/2014, 12:30 PM
Massa o tópico...

Para agregar...

Ano passado, percebi uma grande economia nos gastos diárias quando optei em fazer comida para almoçar em casa.

Domingo a noite sai o rango para três dias...na quinta novamente o processo...Alimentação balanceada e bem nutritiva...vale o "empenho"...

Contado que gastava cerca de 10 reais por alomoço, multiplicado por 5 dias, multiplicado por 4 semanas, multiplicada por 10 meses, percebe-se a economia...

Abraço

Alemão
02/02/2014, 05:34 PM
A léia q o diga...

nem roupa eu compro!!! tudo é ganhado!!!!
tenis uns 4 anos q não compro..roupa pego q sobra do meu pai e irmão!!!

sair de fim de semana é estipulado em 150,00 sexta, sabado e domingo kkkk

nada de besteiras!!! acessório p/ motos só existencial e nada de frescuras..e se não to usando tiro vendo e troco por outro util..

e por ai vai!!!

na vdd acho q peco!! deveria economizar mais..porem fora isso eu não viajaria!!!

Veio, ainda bem q naum sou teu irmão de sangue... Acho q VC ja tinha me vendido kkkkkkk ( brincadeira)

Alemão
02/02/2014, 05:37 PM
Giovani... Gostei do tópico.
Força que as coisas vão se encaixando naturalmente, demora muito já esta rodando...
O amigo Atobá disse em sábias palavras onde temos de se organizar. Filtrei e gravei.

Abraços

Chico 13
03/02/2014, 07:07 AM
Putz, lendo alguns relatos aqui vejo que tô fazendo tudo errado, por isso no fome abaixo de zero......... F u d e u Kkkkk

Atobá
03/02/2014, 08:20 AM
Atobá, o Leão está com uma biz. A falcon entrou no negócio....

.


Verdade Piero
Eu estava lá quando ele fechou o negócio com uma garota.
Quem tb tem uma Bizz é o gente boa Zé Graff.
Pode ter certeza que quem tem um veículo similar esta guardando uns bons trocados mesmo com o pagamento das taxas .Só o gasto anual em deslocamento urbano de itens de manutenção(pneu,pastilha,oleo,revisão etc,etc),repõe fácil o custo do licenciamento deixando a economia de combustível para gastar nas estradas.
Sei tb que muita gente se nega a andar de "motinha".Vai de cada um

Silvio
03/02/2014, 08:24 AM
Caros amigos,
Com a família aumentando (o Miguel vem aí) e como os gastos com o BB são imprevisíveis, a política do FOME ZERO está chegando lá em casa... kkkk
A vantagem é que eu e a Gerusa, temos o mesmo pensamento de como guardar/investir o $$$. Sempre demos prioridade em comprar as coisas a vista. Nem que pra isso seja necessário esperar 6 meses/um ano, para poder comprar.
Se fazendo as contas a gente possa assumir uma prestação de 500/800/1000 reais, preferimos nos "auto-financiar" e guardar este dinheiro todo o mes, até termos o valor total para efetuar a compra. Quando recebo o salário do mês este valor já vai OBRIGATORIAMENTE para a conta poupança, como se tivesse mesmo a prestação pra pagar.
Desta forma temos algum $$$ guardado para alguma emergência, e quando juntamos o valor necessário na poupança, compramos o(s) item(s) desejados. Até hoje tem dado certo. E quanto a economizar no dia a dia, se vejo algo que quero comprar, eu sempre volto pra casa e penso se necessito mesmo daquele produto. E faço como o Piu, se não usar, vendo....
Abç a todos...

P.S.: Aceito doações de fraldas.... kkkkkkkkkk

Ruy
03/02/2014, 08:26 AM
:salve: Amigo Leão!!!!
Eu ia falar umas coisas que faço para economizar, mas o Atobá matou o assunto a pau, perfeito!
O meu drama econômico atual são justamente as duas motos, do mesmo tamanho, do mesmo patamar de gastos, e eu usando as duas para viajar. Costumo dizer que manter o tesão de ter 2 carros, 2 mulheres, 2 cartões de crédito e 2 motos, precisa de muita balha na agulha para valer a pena....kkk.
Como trabalho muito viajando, acabo andando de moto somente no fim de semana para curtir, nesse caso acho que só uma já é suficiente. E vai se dando o trato regularmente nela para as médias ou grandes viagens anuais.
Outra coisa: é bom aprender dar, pelo menos, a manutenção básica na motoca, como trocar o óleo e filtro, por exemplo. E quando acabar a garantia, sumir da CC, muita exploração!
Peças: pesquisar muito (lojas físicas, lojas virtuais, fórum), entre a CC e uma loja que vende originais o preço pode variar 100% (vide o espelho retrovisor da XT que na CC aqui custa 135,00 e você consegue por 65,00 pesquisando).
Acessórios: tento comprar tudo usado, pois sempre tem alguém dando up nas motos e botando coisa boa para vender.
Em viagens: comida barata, hotel ou hostel bem chorado e roteiro bem feito.
Em casa: to aprendendo a fazer pizza, sashimi, sushi... e aí vai... economiza de restaurante para o fim de semana.
Carro: em casa o meu carro é o fusca Azeitona 1972. O da patroa é grande e beberrão, já fiz umas contas e não compensa, os gastos com IPVA, pneu caríssimo, manutenção e a sede do motor se somam em quantias muito altas depois de 5 anos. Por incrível que pareça: compensa ter um carro pequeno e confortável para o dia a dia da família e viagens curtas e quando precisar fazer viagens longas alugar! Depois de 5 anos dá para se economizar mais de 10.000 reais! (dá para fazer várias trips de moto).
Só não dá para ter o cofrinho do Atobá, porque aqui em casa as 2 pequenas rapelam qualquer moeda que fique dando bobeira para os porquinhos delas...rsrsrs.
Só não economizo, no gelo da cerveja... aí não dá né!

Abraço!!!!
Vombora!

Zé Graff
03/02/2014, 03:04 PM
Aí Leão, novamente uma baita sacada esse tópico.
Trabalhar é fundamental, mas nunca podemos deixar de lado, nossa " válvula de escape ", no caso: andar de moto.
Concordo com o Atobá, quando diz que, passeios menores agregam em conhecimento e interação, com custos menores.
Para as grandes viagens, bem, determinar então prioridades. Quais os passeios que dá para fazer e abrir mão de outros, só assim
para conseguir guardar algum dinheiro.
Não vende a BIZ, em dois anos andando com ela, pude ver a economia.
Nos vemos no boteco ... fica tranquilo que para o cafezinho eu tenho ... rsrsrsrssr

Érica
03/02/2014, 09:38 PM
Hahah, fato o Piero não compra roupas, ganha tudo da namorada!! Hahahah.

Leão, aceitar abrigo na casa dos amigos e dividir quarto em hotel é uma boa.

Deixa te contar sobre um desafio q assumi na primeira semana de janeiro. Afinal janeiro chegou e eu tinha seguro do carro, IPVA, dentre outros gastos me vi pequena pois sou autônoma e não tenho 13°, e muito menos férias (folguei 15 dias, não trabalhei, não ganhei dindin).
Então, lendo uma matéria em uma revista p jovens empreendedores, havia o Desafio 52, que consiste em vc guardar dinheiro (na poupança, cofrinho ou lata d whisky) semanalmente, por 52 semanas. Na primeira semana vc guarda 1 real, na segunda 2 reais, na terceira 3, e assim sucessivamente.

Aí no final vc tera um bom dinheiro p ajudar a custear os gastos no final do ano ou até uma viagem.

O objetivo do desafio é q vc aprenda a economizar e guardar dinheiro, o meu objetivo eh ter um 13°,hehhe.

PS: também to na marmitinha, econômico e saudável.

Luiz Carlos TC
03/02/2014, 09:59 PM
Muito bom o tópico Giovane.
Atobá, iria me desfazer da NX 200 velha companheira mas li teus recados, vou dar um capricho nela.
Dou duro para economizar mas, como autônomo tenho muita restrição de tempo para viagens maiores e justamente como falastes, estou pretendendo conhecer melhor os que estão ao meu redor.Belo recado.
Abraço Giovane. Passando por aqui vem "filar" um almoço kkkkkkk.

Atobá
04/02/2014, 12:38 AM
Ô Zé
Chego a chorar de saudade de vcs.
É besta né?Mas não me importo não.
Não tem dinheiro que pague isto.

BeloPancas
04/02/2014, 02:46 PM
Só tem especialista em economia aqui no fórum, com certeza colocarei em pratica algumas dessas dicas que o pessoal deram aí.

Eu uso uma equação simples mas que me ajuda muito a poupar um pouco de $$$$$.

1º - Do meu salário eu tiro 10% e mando direto pra poupança.
2º - Faço uma divisão de meus gastos em 4 grupos e cada grupo ficará com 25% do salário.
Grupo 1 - Aluguel ou prestação da casa, água e luz.
Grupo 2 - Mensalidade da escola, alimentação, vestuário ou algo do tipo.
Grupo 3 - Tv por assinatura, telefone, restaurante, cinema e etc.
Grupo 4 - Passeios de moto. (por isso passeio pouco de moto).

Como não pago aluguel a renda destinada ao grupo 1 posso mandar por exemplo para o grupo 4. Na minha cidade não tem cinema então o $$$ do cinema vai pra outro grupo.
Sempre tento manter no azul o valor de cada grupo.

Algumas dicas de como organizar um orçamento doméstico, pode ser bastante eficaz para ter um poder de poupança.
Vestuário: Não compre por impulso. Geralmente muitas compras são feitas sem necessidade.
Mensalidades: Procure pagar sempre em dia. Se for possível, coloque os vencimentos sempre após o dia de pagamento de seu salário.
Energia elétrica: Aproveite a iluminação natural, reduzindo o uso de lâmpadas. Procure utilizar lâmpadas fluorescentes, que duram mais e reduzem o consumo mensal de eletricidade.
Geladeira e freezer: Só abra quando for necessário. Ao fazer compras, procure guardá-las de uma vez só. Quando for trocar os aparelhos, procure os que possuem menor consumo de eletricidade.
Ferro de passar: Junte a maior quantidade de roupa possível e passe-as de uma só vez.
Chuveiro elétrico: Evite os banhos demorados.
Televisão: Não deixe a televisão ligada sem necessidade.
Máquinas de lavar e secar: Vale o mesmo para o uso do ferro de passar. Junte o máximo de roupas ou louças, e ligue os equipamentos quando estiverem com a capacidade máxima.
Telefone: Procure utilizá-lo racionalmente. Ligações mais longas ou interurbanas devem se feitas nos horários de tarifas reduzidas, e lembre-se que telefonemas para celulares, podem encarecer a conta telefônica.
Água: Mantenha as torneiras sempre bem fechadas e verifique regularmente se não há vazamentos.
Aluguel e condomínio: Nunca comprometa mais de 1/3 de seu orçamento com esses gastos, e inclua o IPTU nessa conta. Procure sempre pagar em dia para evitar juros e multas.
Despesas eventuais: Separe sempre uma parcela do seu rendimento mensal para gastos extras e sazonais, como material escolar, aniversário dos filhos, Natal. Tenha a reserva também para ir ao dentista ou ao médico quando menos espera.
Compras: Procure sempre pagar à vista. Se a opção for dividir, faça-o apenas se não houver cobrança de juros, mas lembre-se de não acumular parcelas de diferentes gastos que, somadas, complicarão seu orçamento mensal.
Cheque especial: Evite gastar o limite do cheque especial, uma vez que as taxas de juros são normalmente muito elevadas, lembre-se que o limite não faz parte da sua conta corrente.
Cartão de crédito: Pague a fatura integralmente na data do vencimento. Se entrar no parcelamento, você poderá ter dificuldade para quitar a dívida, além da taxa de juros ser muito elevada.

Espero que tenha ajudado.

Leão
05/02/2014, 09:54 PM
Obrigado a todos pelas dicas, com certeza muitos serão beneficiados.

Temos orientações financeiras fantásticas aqui, sei que será exemplo.

Abraço.

JeanCRP3
07/02/2014, 12:44 AM
Na hora da viagem, para comer: Carboidrato+proteína = pão c/ carne! Bem na verdade, uma refeição decente por dia está de bom tamanho, o resto o cara tapeia com lanches, sanduíches, 'X', etc... Dormir com conforto é em casa, então, precisa-se somente de uma cama boa e um chuveiro bom... Fora o fato de não comprar besteiras e tralhas pra ficar trazendo na viagem. Cuidando com os supérfluos, estadia e alimentação, arruma-se diferenças nos custos... a vida em casa, além de seguir as dicas do BeloPancas, põe na cabeça que durante a semana é hora de ganhar dinheiro, e final de semana podes gastar um pouco, pois temos 5 dias da semana para ganhar (no meu caso 6 pois trabalho até sábado), e somente 2 pra gastar, então a lógica é sempre gastar menos do que se ganha. A conta deve ser sempre positiva!! Durante a semana somente necessidade básicas de último grau!! Fim de semana é permitido cervejinha!!!